domingo, 22 de julho de 2018

Banzé no Oeste (1974_Blazing Saddles) - DVD-R

Up by Fedrigo

Gênero: Comédia, Western, DVD-R
Ano de lançamento: 1974
País de produção: EUA
Áudio: Inglês, Espanhol
Legendas: Português, Espanhol, Inglês
Formato de tela: 4x3 Fullscreen
Duração: 95 minutos
Cor: Colorido
Tamanho: 4,04 GB
Extensão: ISO
Sinopse: Rock Ridge é uma pequena cidade do oeste americano, onde todos os seus moradores se chamam Johnson. A estrada de ferro está prestes a passar pelo local, o que faz com que Hedley Lamarr (Harvey Korman) aterrorize os moradores. Sua intenção é obter as terras da cidade, que serão bastante valorizadas após a conclusão das obras. Para controlar a situação o governador William J. Lepetomane (Mel Brooks) contrata um novo xerife, Bart (Cleavon Little). Só que Bart é negro e passa a ser hostilizado pela população racista. Ele recebe apenas a ajuda de Jim (Gene Wilder), conhecido como The Waco Kid, o pistoleiro bêbado mais rápido da região.
IMDB: 7,8
Diretor: Mel Brooks
Elenco: Cleavon Little, Gene Wilder, Slim Pickens, Harvey Korman, Madeline Kahn, Mel Brooks, Burton Gilliam, Alex Karras, David Huddleston, Liam Dunn, John Hillerman, George Furth, Jack Starrett, Carol Arthur, Richard Collier, Charles McGregor, Robyn Hilton, Don Megowan, Dom DeLuise, Count Basie, Karl Lukas, ...
Outros títulos e data de lançamento:
Curiosidades (6):
- Quase foi parar na televisão: Foi proposta uma série de TV baseada no filme, estrelada por Louis Gossett Jr. e Steve Landesberg. A série jamais foi exibida, mas seu piloto foi produzido. Ele está disponível no DVD de aniversário de 30 anos do filme, lançado nos Estados Unidos.
- Aproveitando o que já estava lá: Foram usados os mesmos sets de filmagens de Westworld - Onde Ninguém Tem Alma(1973)
- Parceiros: Este é o 2º de 3 filmes em que o diretor Mel Brooks e o ator Gene Wilder trabalharam juntos. Os demais foram Primavera para Hitler (1968) e O Jovem Frankenstein (1974).
- Elenco: O personagem Bart foi escrito para Richard Pryor, mas o ator não pôde interpretá-lo. O motivo foi que Mel Brooks não conseguiu obter um seguro para as filmagens caso Pryor estivesse neste papel, devido à sua rotina de shows stand-up pelo país. Desta forma Pryor foi creditado como um dos roteiristas e Cleavon Little foi contratado em seu lugar.
A intenção inicial era que Alan Arkin fosse o diretor e James Earl Jones o intérprete de Bart.
Foi oferecido a Gene Wilder o personagem Hedley Lamarr. O ator o recusou alegando que não se sentiria à vontade nele e pediu que interpretasse Jim. Entretanto Mel Brooks queria que o personagem fosse interpretado por alguém mais velho, como Dan Dailey, descartado devido ao seu frágil estado de saúde.
Gig Young iniciou as filmagens como Jim, mas, logo no primeiro dia, teve um colapso devido ao alcoolismo. Mel Brooks paralisou as filmagens por um dia e chamou Gene Wilder para substituí-lo. Posteriormente Gig Young processou a Warner, por quebra de contrato.
- Nome: Inicialmente o título original seria "Tex X", em referência a Malcolm X. Posteriormente foi alterado para "Black Bart" mas os roteiristas não estavam satisfeitos com as duas opções. Segundo Mel Brooks, ele teve a idéia do título "Blazing Saddles" quando estava no chuveiro.
- Prêmios:
OSCAR - 1975 - Indicações: Melhor Atriz Coadjuvante - Madeline Kahn; Melhor Edição; Melhor Canção Original - "Blazing Saddles"
BAFTA – 1975 - Indicações; Melhor Roteiro; Melhor Revelação - Cleavon Little
Nota: Informações baseadas da capa do DVD e/ou da Internet. Qualquer erro favor nos informar. Obrigado.
Lema: "O pequeno cachorro ladra, mas a caravana passa."


Nenhum comentário:

Postar um comentário